CIDADES

Região Oeste abre festividades do mês de junho

Published

on

O espaço de eventos da Igreja Sagrada Família, localizado no bairro Marajoara, foi palco da festança.

O mês de junho chegou e traz com ele a temporada de festas juninas. Os pólos que integram o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, da região oeste, que atuam com grupos de idosos, abriram oficialmente o calendário de comemorações aos santos Antônio, João e Pedro, com casamento caipira, quadrilha e muito forró. O espaço de eventos da Igreja Sagrada Família foi palco da festança.

A coordenadora social do bairro Jardim Marajoara, Lindalva Marques explica que resolveu juntar os idosos dos bairros São Mateus, Ouro Verde e Asa Bela, para juntos compartilharem esse evento que marca o calendário da igreja católica e cultural do país.

“Esse é o primeiro encontro do arraiá de nossa localidade e estamos muito contente com a participação maciça de nossos integrantes. Os idosos não só aceitaram a proposta desse evento como vieram todos caracterizados para a grande festa. Tem casamento, tem quadrilha e tem muito forró para toda a gente”, comemorou.

A coordenadora disse ainda que ficou surpresa com a participação da família dos idosos que fizeram também questão de participar das atividades. “E essa é a nossa proposta, unir as famílias em torno de um bem comum, até porque o Serviço de Convivência trabalha essa perspectiva, do fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, sem esquecer que cada dia, é um dia singular na vida deles”, completou.

Dona Ilda da Silva era só animação, e nem se importou de participar da festa vestida de ‘menino’. “O importante é não perder a festa e aproveitar da melhor maneira possível, e estou achando tudo maravilhoso. Em nosso bairro não acontecem muitos eventos para a terceira idade, e a gente acaba não saindo muito de casa, mas com o serviço de convivência estamos tendo a oportunidade de participar de cursos, passeios e agora desta festa junina”.

A aposentada agradeceu a Secretaria de Assistência por ter esse olhar voltado à terceira idade, com o serviço de convivência que tem sido uma oportunidade para todos os grupos de idosos, terem essa convivência harmoniosa.

Já a secretária de pasta, Ana Cristina Vieira, disse que a ideia desse evento é fortalecer os cidadãos independente da idade, e promover a participação nos eventos sociais, e também conceitos de cidadania, de respeito e de amor ao próximo, sempre seguindo os eixos da Política da Assistência Social.

Ana Cristina lembrou ainda que o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos trabalha com vários eixos temáticos, reforçando datas comemorativas. “O mês de junho, por exemplo, comemoramos o Dia Mundial do Meio Ambiente, e as comemorações aos santos Antônio, João e Pedro, nas tradicionais festas juninas. Com certeza esses temas estarão em evidência no decorrer do mês. Esse evento aqui no Jardim Marajoara, abre oficialmente, esse período de festas juninas em Várzea Grande”.

ORIGEM: A partir do momento em que o cristianismo começou a se consolidar na Europa, as comemorações foram incorporadas ao calendário festivo do catolicismo para homenagear santos populares, como Santo Antônio, São João e São Pedro. Hoje, os dias de homenagem a esses santos ocorrem em 13, 24 e 29 de junho, respectivamente.

Já a ideia de festa junina chegou ao Brasil por intermédio dos portugueses durante o período de colonização, no século 16. Na época, a honraria aos três santos juninos era marcada por procissões, missas, danças e comemorações populares.

Fonte: Prefeitura de Várzea Grande – MT

Via: Agência Brasil

Comentários

CIDADES

Prefeitura inicia construção de 50 casas populares

Published

on

A prefeita Janailza Taveira assinou na manhã desta segunda-feira (17/06), ordem de serviço para a construção de 50 casas populares do Programa Ser Família Habitação no Jardim Zumbi, Vila Santo Antônio. A construção das casas é uma parceria do governo do estado de Mato Grosso e a Prefeitura de São Félix do Araguaia. A ordem de serviço foi assinada pela prefeita na presença de secretários da prefeitura,  populares e representantes da empresa que irá construir as casas.

A Secretaria Municipal de Assistência Social realizou de forma minuciosa e responsável todo processo de cadastro, triagem, diagnóstico socioeconômico e demais serviços previstos nas instruções normativas, protocolo de intenções e na adesão ao Programa Ser Família Habitação.

A prefeita Dra. Janailza Taveira agradeceu ao governador Mauro Mendes e à primeira-dama do Estado, Virgínia Mendes, pelo apoio e empenho na realização desse grande projeto habitacional.

Janailza comemorou o início das obras “Esse projeto é muito especial, vai proporcionar mais dignidade a diversas famílias em situação vulnerável socialmente e fomentar o desenvolvimento da cidade, no segmento da construção civil “, comemorou a gestora.   

A construção das casas tem previsão de término em seis meses. O SER Família Habitação foi idealizado pela primeira-dama de Mato Grosso, Virginia Mendes, e é realizado pelas secretarias de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc-MT) e de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT).

Fonte: AMM

Comentários
Continue Reading

CIDADES

Fanfarra municipal representa Vera do Banfest em Itanhangá

Published

on

A cidade de Itanhangá, no Médio Norte de Mato Grosso, realizou no final de semana, a 5ª edição do Festival de Bandas e Fanfarras – Banfest.

Evento tradicional na região reuniu vários municípios participantes com suas corporações musicais. Vera esteve representada pela Fanfarra Municipal Mestre Toninho, coordenada pelo Secretário de Cultura e Esportes, Domingos Sávio e equipe.

Nossos agradecimentos ao prefeito de Itanhangá, Edu Pascoski, ao vice Emerson Sabatine, a Secretária de Cultura e Educação Suzana Bêss, Rachel de Queiroz, coordenadora de Cultura e a Maestrina Maria de Lourdes pelo convite ao município de Vera.

 

Fonte: Prefeitura de Vera

Comentários
Continue Reading

CIDADES

Crianças do município foram imunizadas contra a Poliomelite

Published

on

Iniciada no último dia 27 de maio, a Campanha de Vacinação contra paralisia infantil foi encerrada oficialmente no dia 14 de junho. Conforme dados preliminares da Secretaria Municipal de Saúde, em Campo Verde o índice de imunização alcançado foi de 72,4%, o que corresponde a 2.117 doses aplicadas.

Campo Verde teve o público alvo a ser imunizado atualizado pelo Ministério da Saúde. Inicialmente, o número era de 3.663 crianças. Com a atualização ficou em 2.924. A imunização era para crianças com idade até 5 anos.

Como forma de ampliar a cobertura vacinal, a Secretaria Municipal de Saúde de Campo Verde instalou um ponto de imunização no último sábado à tarde em frete ao Parque das Araras, onde foi realizado o 3º Arraiá de Campo Verde.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, 120 crianças foram imunizadas contra a paralisia infantil durante a ação. Também foi avaliado um grande número de cartões vacinais e a maioria estava em dia.

A partir de agora, a vacina continuará sendo distribuída nas unidades de saúde, porém, dentro do calendário de rotina.

Fonte: AMM

Comentários
Continue Reading
Advertisement
Advertisement

SAÚDE

POLÍCIA

Advertisement

POLÍTICA

CIDADES

Advertisement

EDUCAÇÃO

ESPORTES

Advertisement

MATO GROSSO

ECONOMIA

Advertisement

GERAL

As mais quente