POLÍTICA

Prefeito nega ligação com o CV e comenta foto com preso e caixa de cerveja

Published

on

emanuel heineken, ragnatela.jpg

 

O prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) comentou sobre a Operação Ragnatela, deflagrada pela Polícia Federal nesta semana. Ele desmentiu a especulação que teria se “vendido” por uma caixa de cervejas Heineken, negou o envolvimento com o Comando Vermelho e ironizou o fato de ser um ‘prefeito do povo’ e por isso tira foto com todo mundo. Durante coletiva de imprensa nesta sexta-feira (7), o gestor ainda teve tempo para cobrar do Governo do Estado mais segurança pública ao dizer que a facção estreia vencendo a ‘guerra’ contra o crime organizado em Mato Grosso. 

Consta no relatório de investigação feito pelas Forças de Segurança que em um dos trechos de conversas envolvendo o promotor de eventos Elzyo Jardel Xavier Pires (preso durante a operação), ele aponta em tom de deboche que Emanuel não atendia a pedidos para influenciar atos e ações de fiscalizações ambientais e concessão de alvarás de funcionamento, em benefício das casas noturnas, shows e eventos utilizados pelo grupo para lavar dinheiro do Comando Vermelho.

Pinheiro reclamou da tentativa de ligá-lo aos criminosos e negou ter se “vendido” por uma caixinha de cerveja. “Eu acho até graça essas coisas, que eu gosto de Heineken a cidade inteira sabe tomo todo dia, ontem mesmo tomei. Como sou muito popular e eu sou o prefeito do povão, todo mundo chega perto de mim, todo mundo me abraça, tira foto comigo, eu abraço todos. A prova maior é que eles me chamaram de bosta, porque o pedido deles não foi atendido. Então, você quer uma coisa mais honesta do que isso? Agora, é claro, o prefeito da capital sempre chama atenção, vende mais mídia, ainda mais um cara polêmico como eu, atraente politicamente”, ironizou o gestor. 

Questionado sobre o envolvimento do vereador Paulo Henrique (MDB), que além de correligionário de partido já foi líder dele na Câmara de Cuiabá, Emanuel disse que ninguém pode ser considerado culpado até o trânsito de sentença penal condenatória. “É uma operação, está em investigação. Ou seja, ele tem direito à defesa, todos os envolvidos têm direito à defesa. Ele vai se defender do que está sendo acusado, que eu mesmo não sei”, enfatizou.

O chefe do Palácio Alencastro ainda explicou que conhece o promoter de eventos, Rodrigo de Souza Leal, preso na operação, apenas por ele ser do ramo de shows e que não teria como saber que ele era envolvido com a facção criminosa. “Político que fala que não conhece o Rodrigo Leal, no setor de eventos, acho que tá querendo tapar o sol com a peneira. Tínhamos uma relação boa, mas tem uns três anos que  ele sumiu, nunca mais falou. Eu não sabia desse envolvimento dele, não tem como saber”, enfatizou Pinheiro. 

Por fim, o prefeito concordou com o deputado federal Abilio Brunini (PL) que disse que a Operação Ragnatela revela que a segurança pública de Mato Grosso não funciona e que o crime organizado tem vencido no Estado que se recusa a investir no policiamento, e na Polícia Militar, dando margem para que o Comando Vermelho se expanda e trabalhe livremente.

“Se eles chegaram numa autoridade pra tirar foto é porque a segurança pública do estado não funciona. Se tivesse cumprido o rigor da lei e tivesse sido preso, ele não estaria por aí abordando as autoridades. Esse é o fato que tem que ser discutido e o deputado Abílio matou o pau. O narco-estado está vencendo a guerra de segurança pública com o estado de Mato Grosso. Acabou a segurança pública aqui, semana passada mataram 10 e está assustador”, desabafou. 

Fonte: Folhamax

Comentários

POLÍTICA

“Vamos querer fazer parte de um futuro governo de Botelho ” diz vereador do PP

Published

on

“Quem ajuda a ganhar, ajuda a governar ”

Redação do rufandobombonews 

Em entrevista ao jornalista Abdalla Zarur, do site Veja Bem MT, o vereador Demilson Nogueira, do Partido Progressista (PP) em Cuiabá, afirmou que o partido tem a intenção de participar ativamente de uma eventual gestão do deputado estadual Eduardo Botelho, do União Brasil, caso ele vença as eleições para prefeito de Cuiabá.

Segundo Nogueira, o PP está comprometido em colaborar com a administração municipal, utilizando a máxima política: “Quem ajuda a ganhar, ajuda a governar”. O vereador mencionou que a participação do partido na campanha de Botelho é um indicativo claro de sua intenção de contribuir para o governo, caso este seja  “Temos pessoas extremamente qualificadas em nosso partido, prontas para assumir responsabilidades e contribuir para o desenvolvimento de Cuiabá”, declarou o vereador.

 

Fonte: Rufando o Bombo

Comentários
Continue Reading

POLÍTICA

TJ nega suspender cobrança de ex-prefeito de Cuiabá por propaganda irregular

Published

on

Wilson Santos

 

A desembargadora da Primeira Câmara de Direito Público e Coletivo do Tribunal de Justiça (TJMT), Helena Maria Bezerra Ramos, negou suspender a cobrança de uma condenação por propaganda irregular contra o ex-prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSD-MT). Atualmente deputado estadual na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Santos pede um abatimento de R$ 776,1 mil na penalidade – fazendo com que o valor a ser devolvido aos cofres públicos, segundo ele, seja de R$ 316,1 mil.

A decisão da desembargadora é do último dia 5 de junho. Nos autos, Wilson Santos tenta provar a ocorrência de uma suposta compensação de valores pagos, por outras empresas, que justificam a redução de R$ 776,1 mil no débito.

Conforme os autos, entre os anos de 2005 e 2008, na condição de prefeito de Cuiabá, Wilson Santos firmou convênios com empresas para a realização de propagandas em espaços públicos municipais sem licitação – o que teria acarretado danos ao erário.

“Apesar de reconhecida em sede de julgamento do recurso de apelação a existência de dação em pagamento ao Município de Cuiabá de valores devidos e contraprestados por algumas empresas e do laudo pericial indicar que o montante corresponderia à R$ 776.121,77 entende que a compensação de créditos é medida imperiosa, sob pena de locupletamento ilícito por parte do Município de Cuiabá”, defende o ex-prefeito.

Em sua análise, entretanto, a desembargadora Helena Maria Bezerra Ramos explicou que a compensação não poderia ser estabelecida, a princípio, tendo em vista que os contratos de propaganda entre prefeitura e empresas são distintos.

“Inobstante tenha sido determinada a apuração dos valores a serem ressarcidos ao erário por meio de liquidação de sentença, restou expressamente consignado que, não haverá abatimento ou compensação dos valores recebidos a maior de um termo de parceria com outro, por se tratar de relações jurídicas independentes”, analisou a desembargadora.

Apesar da negativa de suspensão da cobrança, o pedido de Wilson Santos pelo abatimento dos R$ 776,1 mil ainda será analisado no mérito. O Ministério Público do Estado (MPMT) aponta que o valor atualizado do débito seria, na verdade, de R$ 10 milhões.

Fonte: Folhamax

Comentários
Continue Reading

POLÍTICA

Max Russi aposta no empresário da noite como opção do PSB na vice de Botelho

Published

on

2024 é agora

Redação do rufandobombonews 

O deputado Max Russi, 1º secretário da mesa diretora da Assembleia Legislativa, decidiu se envolver na disputa pela indicação do vice na chapa do candidato Eduardo Botelho (UB). Apesar de considerar prematuro iniciar o debate sobre a escolha do vice, Russi acredita que seu partido, o PSB, possui nomes relevantes para apresentar. Entre esses nomes, ele destaca o do empresário cuiabano Elson Ramos.

“Elson é um empresário de grande sucesso em Cuiabá. Ele traz os maiores eventos para a nossa cidade, contribuindo significativamente para o setor de entretenimento do nosso estado. Além disso, ele divulga Mato Grosso em outras regiões. É uma pessoa capacitada, qualificada e preparada, que tem muito a oferecer para o futuro de Cuiabá, caso Botelho seja eleito”, afirmou Russi em entrevista à imprensa na quarta-feira (12).

Russi enfatiza que Ramos possui todas as condições necessárias para colaborar efetivamente com a gestão de Botelho, destacando sua competência e a importância de sua atuação no desenvolvimento local.

Fonte: Rufando o Bombo

Comentários
Continue Reading
Advertisement
Advertisement

SAÚDE

POLÍCIA

Advertisement

POLÍTICA

CIDADES

Advertisement

EDUCAÇÃO

ESPORTES

Advertisement

MATO GROSSO

ECONOMIA

Advertisement

GERAL

As mais quente