Curtinhas

Kalil define Pedrinho como seu vice na corrida pela reeleição em VG

Published

on


O prefeito de Várzea Grande, Kalil Baracat (MDB), escolheu o presidente da Câmara de Vereadores, Pedro Paulo Tolares, Pedrinho (União Brasil), como seu vice para a disputa pela reeleição. A oficialização da escolha será feita na sexta-feira (5). A decisão foi tomada após uma reunião na sede do União Brasil, onde quatro nomes foram apresentados como opções: Pedrinho, os vereadores Pablo Pereira e Rosy Prado, e o empresário Elias Domingos.

Kalil Baracat está consultando os 10 partidos aliados antes de anunciar oficialmente a sua decisão. Pedrinho, que tem o apoio de 15 vereadores, é considerado um forte candidato. Baracat lidera todas as pesquisas e conta com o apoio de 10 partidos: MDB, União Brasil, Agir 36, Novo, PDT, PP, PRD, PSB, PSDB/Cidadania e Republicanos.

Outros candidatos à Prefeitura de Várzea Grande são a professora Leliane Borges (PT), a advogada Flávia Moretti (PL) e Milton Dantas (PSOL). Várzea Grande é o segundo maior colégio eleitoral do estado, com 178.509 eleitores aptos a votar, segundo o TSE.





Curtinhas

Tensão na Assembleia: Mauro Mendes rebate José Riva

Published

on


O governador de Mato Grosso, Mauro Mendes (União), respondeu às declarações do ex-presidente da Assembleia Legislativa, José Geraldo Riva, que alertou sobre a interferência do Palácio Paiaguás na disputa da mesa diretora. Mendes acusou Riva de ainda achar que tem o mesmo poder de 20 anos atrás, referindo-se ao período como “tempo das trevas”. Apesar de negar interferência direta, Mendes confirmou que a Casa Civil tem discutido a eleição com deputados estaduais. A atuação do governo tem gerado um clima de defesa da independência da Assembleia, com parlamentares mantendo apoio a Janaina Riva (MDB) como primeira-secretária, mesmo sob pressão. José Riva alertou que a derrota de sua filha poderia empurrá-la para a oposição, fortalecendo-a politicamente e potencialmente ameaçando Mendes nas eleições de 2026.





Continue Reading

Curtinhas

Misael revela falta de fundos de emergência e seguro no Shopping Popular

Published

on


Misael Galvão, presidente da Associação dos Camelôs do Shopping Popular, declarou nesta terça-feira (23) que o centro comercial não tinha recursos em caixa para emergências, decisão aprovada pelos associados. Em entrevista ao Programa Tribuna, Galvão explicou que as receitas do shopping são destinadas a diversas despesas, incluindo uma usina solar de R$ 25 milhões, manutenção do Complexo Dom Aquino a R$ 70 mil por mês, e folha de pagamento de R$ 250 mil mensais. Ele também mencionou a ausência de seguro, pois seguradoras recusaram cobertura devido ao alto número de lojistas e à localização em área pública. A tragédia do incêndio pegou a todos desprevenidos, destacando a necessidade de revisão das decisões financeiras e de segurança.





Continue Reading

Curtinhas

Mauro Mendes diz que sugestão de BRT a R$ 1 é ‘presepada’

Published

on


O governador Mauro Mendes (União) criticou a proposta do deputado estadual Lúdio Cabral (PT) de estabelecer a tarifa de R$ 1 no BRT, chamando-a de “presepada”. Mendes ironizou a viabilidade da proposta, afirmando que seria possível apenas se os combustíveis custassem R$ 1. A proposta de Lúdio sugere que o Estado subsidie R$ 3,95 por passagem, totalizando um subsídio anual de R$ 40.764 milhões, financiado pela venda dos vagões do VLT, que arrecadaria R$ 793 milhões.

A controvérsia intensificou-se após um conflito entre Lúdio e o presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (União), ambos pré-candidatos à prefeitura de Cuiabá. A discussão escalou quando Botelho rejeitou um pedido de urgência para o projeto, levando a uma briga física entre os dois. Lúdio alegou que Botelho agiu para proteger os interesses comerciais de seu irmão no setor de transporte coletivo.





Continue Reading

As mais lidas da semana