Mato Grosso

Operação da Polícia Civil cumpre 17 mandados contra autores de latrocínio em Cuiabá

Published

on


Dezessete mandados judiciais foram cumpridos pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (Derfva), nesta terça-feira (09.07), na Operação “Desforço Encarregado”, deflagrada para prender os autores de um latrocínio ocorrido em janeiro deste ano em Cuiabá.

As 11 ordens de busca e apreensão domiciliar e seis de prisão temporárias foram expedidas pela Justiça, após investigação da Derfva para esclarecer o latrocínio que vitimou Hildebland Pereira da Silva, síndico do Condomínio Chapada dos Pinhais.

Diversos materiais relacionados ao roubo seguido de morte foram localizados, reforçando as provas contra os alvos. O trabalho operacional envolveu grande efetivo policial para garantir a eficácia das ações.

Os seis suspeitos presos foram levados para Derfva, onde serão interrogados. Já os objetos apreendidos serão analisados para consolidar a materialidade das autorias.

De acordo com o delegado responsável pela investigação, João Paulo Firpo Fontes, a equipe da Derfva diligenciou incansavelmente para reunir evidências necessárias e assegurar que os responsáveis por este crime sejam punidos.

“Essa operação reflete o empenho e a dedicação da instituição em combater a criminalidade, elucidando delitos de forma qualificada, e dar resposta para a sociedade mato-grossense”, destacou o delegado adjunto da Derfva.

Roubo seguido de morte

No dia 31 de janeiro, a vítima foi brutalmente espancada e alvejada por disparo de arma de fogo.

Conforme apurado pelos policiais civis, a motivação foi o suposto desaparecimento de uma quantia em dinheiro que estava guardada no apartamento de um dos principais suspeitos. Este suspeito acusou Hildebland de tê-lo furtado, resultando no latrocínio como forma de vingança.

Investigações

Os indícios apontaram o envolvimento dos suspeitos, os quais forneceram o veículo utilizado no latrocínio e participaram diretamente do espancamento e posterior disparo que culminou na morte da vítima.

No decorrer das investigações, a arma de fogo (pistola calibre .40) foi localizada e apreendida na casa de um deles.

Histórico criminal

Os investigados integram uma facção criminosa responsável por crimes de extrema violência e gravidade em Mato Grosso. A maioria deles possui extensa ficha criminal, incluindo organização criminosa, roubo majorado, receptação, tráfico de drogas e corrupção de menores.

Laudo pericial

O laudo de exame necroscópico, emitido pela Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), indicou que a causa da morte de Hildebland Pereira da Silva foi determinada como disfunção de múltiplos órgãos devido à ação de instrumento contundente, com perfuração de diversos órgãos.

O delegado titular da Derfva, Diego Alex Martimiano da Silva, enfatizou a importância dessa operação.

“Essa operação exemplifica nosso compromisso em desarticular organizações criminosas e garantir que os responsáveis por ocorrências tão brutais sejam levados à justiça. Este é um passo significativo para restaurar a segurança e tranquilidade na nossa capital”, afirmou.

Operação Desforço Encarregado

A ação é um desdobramento da Operação Erga Omnes, deflagrada pela Polícia Civil visando o combate ao crime organizado em Mato Grosso.

O nome da operação faz alusão a uma “vingança perpetrada pelos criminosos contra o síndico do condomínio supramencionado”.

Fonte: Governo MT – MT





Mato Grosso

Escola de Governo de MT promove capacitação com foco em processos gerenciais na administração pública

Published

on



Mato Grosso6 horas atrás

Escola de Governo de MT promove capacitação com foco em processos gerenciais na administração pública
A Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag-MT), por meio da Escola de Governo, disponibiliza 300 vagas para a capacitação Noções de Gestão Pública Gerencial….



Continue Reading

Mato Grosso

MT é o 2º estado com mais pessoas trabalhando entre a população apta ao mercado de trabalho

Published

on


Mato Grosso é o segundo estado com a maior inserção econômica do país, ou seja, mais pessoas trabalhando entre a população economicamente ativa, de acordo com o Ranking de Competitividade dos Estados.

O levantamento, desenvolvido pelo Centro de Liderança Pública (CLP), tem como base os dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O dado aponta que 95,72% das pessoas aptas a trabalhar em Mato Grosso já estão inseridas no mercado de trabalho.

O governador Mauro Mendes atribuiu a boa colocação ao trabalho desenvolvido desde o início da gestão, em 2019.

“Mato Grosso conseguiu equilibrar a gestão fiscal, e isso possibilitou a criação de ações que geram uma quantidade significativa de empregos. O desenvolvimento do nosso estado também despertou o interesse de grandes indústrias a se instalarem por aqui, fortalecendo o nosso repertório de oportunidades tanto para os mato-grossenses como para quem vem de fora e se instala na região”, destacou o governador.

Mauro ainda lembrou que Mato Grosso é o estado com a menor taxa de desemprego do país, e se mantém como um gigante de oportunidades.

“Temos feito o maior investimento em obras e ações da história do Estado, e isso tem contribuído para empregar direta e indiretamente milhares de pessoas. São seis grandes hospitais sendo construídos, dezenas de novas escolas, quatro mil quilômetros de asfalto novo entregues até o fim do ano, entre outras ações que contribuem para o surgimento de mais oportunidades de trabalho”, afirmou.

Ainda segundo o governador, ações como a redução de impostos, incentivos fiscais e redução da burocracia também têm sido fundamentais para o bom desempenho.

“Hoje o empreendedor tem acesso a benefícios fiscais sem burocracia, de forma automática. As licenças são analisadas com muito mais rapidez e temos as menores alíquotas de impostos do país. Ou seja, criamos um ambiente jurídico e fiscal que atrai o investidor para Mato Grosso e, com isso, traz desenvolvimento e empregos”, completou.

Entenda o levantamento

O indicador de Inserção Econômica é uma variante que analisa os dados do IBGE e os classifica de acordo com a proporção de ocupados em relação à População Economicamente Ativa (PEA) de cada estado brasileiro que compõe o Ranking de Competitividade.

Através desse indicador e de outras métricas, o ranking proporciona uma visão mais abrangente das dinâmicas de trabalho em cada estado, fomentando boas práticas e uma competição saudável rumo a equidade e desenvolvimento sustentável de cada região.

Fonte: Governo MT – MT





Continue Reading

Mato Grosso

Sema-MT e PM apreendem 45 kg de pescado ilegal em Santa Terezinha

Published

on


Equipes da Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Sema-MT) e da 2ª Companhia Independente de Polícia Militar de Proteção Ambiental – apreenderam 45,8 kg de pescado ilegal. A fiscalização realizada em um hotel pousada, no município de Santa Terezinha (a 1.312 km de Cuiabá), aconteceu nesta terça-feira (23.07).

Foram apreendidos exemplares de tucunaré, pintado e pirarucu. Durante a vistoria, a dona da pousada se identificou como proprietária dos peixes e foi multada em R$ 9,5 mil. Na vistoria, ela apresentou uma nota fiscal com data de 27 de maio deste ano, com descritivo de 19 quilos de pirarucu de piscicultura, porém, os agentes identificaram que o pescado encontrado era de rio devido a coloração escura da carne.

Ela foi conduzida à Delegacia de Polícia Civil por captura, transporte e armazenamento proibidos.

Do pescado apreendido, cinco quilos eram de pirarucu descaracterizado, em pedaços ou iscas, uma manta da mesma espécie pensando 13,5 kg, além de oito quilos de tucunaré e 19,3 kg de pintado cortado em pedaços. Todo peixe foi doado para a Secretaria de Assistência Social do município. Um freezer também foi apreendido.

A pesca ilegal e outros crimes ambientais devem ser denunciados à Ouvidoria Setorial da Secretaria de Estado de Meio Ambiente pelo 0800 065 3838, pelo aplicativo MT Cidadão ou em uma das regionais da Sema. Quem se deparar com algum crime ambiental também pode denunciar por meio do contato da Polícia Militar 190.

Fonte: Governo MT – MT





Continue Reading

As mais lidas da semana